terça-feira, 26 de julho de 2011

Migalhas de carinho.


Migalhas de carinho,isto não faz sentido, eu me entrego por inteira,não quero amor dividido. Sou verdadeira e sincera,espero reciprocidade,caso contrário,prefiro viver de saudades. Não existe amor a prestação,você é meu por completo ou tudo é uma ilusão. Não sou exigente,nem te encosto na parede,mas se não podes ser meu,durmo sozinha na rede.Prefiro a solidão do que um amor ausente, isto não é amor,é mentira o que você sente. Não quero ser a outra e te ver de vez em quando,fica só comigo ou faça a mala e vá andando. Sinto muito meu camarada,mas tudo tem limite,amor tem que ser verdadeiro,caso contrário não existe. Não vou dividir carinho e nem tão pouco afeto,saia devagarinho,não quero você por perto.Não vou sentir sua falta,pois eu já não tinha você , o coração está vazio,nenhuma lágrima a correr.É melhor que seja assim, cada um segue sua estrada,tentamos mas não deu,nossas vidas estão separadas. Não vou te dar o gosto de ver meu pranto correr,pode ter certeza,eu vou sobreviver.

10 comentários:

  1. Preciosa Amiga:
    O seu talento e eloquência verbal deixam-me encantado e maravilhado.
    É genial.
    MUITO OBRIGADO pelo carinho e ternura expressas para comigo enquanto estive ausente.
    Abraço amigo de respeito elevada estima.
    Sempre a lê-la com atenção pelo brilhantismo de si e do que faz.
    Grato.

    pena

    ResponderExcluir
  2. Migalhas são areias impalpáveis.
    Cada gosto de culpa o pó se prolifera.
    O bom mesmo são as maos seguras, o coração
    coberto. Dividir a dois, vivenciar o reparte.
    elevar tudo o que se multiplica.

    bjs

    ResponderExcluir
  3. Estimada Amiga:
    Um texto poético dividido, extraordinariamente, entre a fantasia e a realidade.
    Parabéns sinceros.
    Escreve com beleza e pureza.
    Abraço amigo de respeito e estima.
    Com admiração constante e sempre a lê-la atentamente perante o seu talento.

    pena

    ResponderExcluir
  4. Olá Maria do Carmo, desejo que tudo esteja bem contigo!

    O amor a dois pra ser completo deve ser em iguais doses de ambos os lados, um amor por igual. O amor não sobrevive de migalhas, por ser um sentimento completo.
    Belo escrito poético, palavras sensíveis que expressam este teu nobre sentimento em versos bem elaborados com simplicidade e alma!
    Ah, claro que não me conhece, mas encontrei teu blog no da Silene, e após ler teu escrito, seria extremamente deselegante sair sem deixar pegadas, mesmo porque gente como nós que escreve não pode perder uma oportunidade de teclar algumas letras onde quer que vá. Claro está também que é teu este espaço, e, entendendo você que minha “invasão” seja indesejável, bem, cabe somente a você a decisão de jogar estas simples e humildes palavras escritas por este invasor sem qualquer pretensão de depreciar teu espaço a lixeira e, me perdoar por te atribuir este pequeno incômodo. Assim me despeço, com pretensões de retornar caso me seja permitido, e deixo meu desejo que você e todos ao redor sejam intensamente felizes, abraços e, talvez até mais!

    ResponderExcluir
  5. Só escrevi o que realmente percebo de voce. simplesmente maravilhosa. E não dê bolas para as regras dos invencionistas, continue a escrever, do seu jeito, este País, precisa de pessoas como voce, que escreve de maneira esclarecida. Não se intimide com os palpiteiros, em quaisquer circunstancia na Vida, palpiteiro é palpiteiro.
    Um abraço querida.

    ResponderExcluir
  6. Muito bem escrito, gostei :)

    Muito obrigado pelo carinho e pela visita :)

    ResponderExcluir
  7. Bela poesia, adorei!

    Abraço,

    Rui Pires

    ResponderExcluir
  8. Muito bom ler um texto com tamanha capacidade e simplicidade de demonstrar aquilo que nos faz maravilhosamente bem: os sentimentos. Fico muito feliz por ver seus textos e ser um de seus seguidores.

    Um grande beijo e uma ótima semana!

    ResponderExcluir
  9. Muito bom o texto estimada amiga,
    ninguém merece migalhas de sentimentos
    porque essa por si só
    não satisfaz nenhum coração,
    parabéns pelo seu texto

    Dan

    ResponderExcluir
  10. MARIA DO CARMO, ADOREI O SEU TRABALHO E ADOREI CONHECER VOCÊ HOJE....
    OS SEUS TEXTOS SÃO VERDADEIROS, E VOCÊ DEMONSTRA AMOR NAQUILO QUE ESCREVE, PARABÉNS, MINHA POETISA!
    jOSÉ BARBOSA

    ResponderExcluir